Por quanto tempo ele deve mamar e com qual intervalo?

Padrão

As mamadas devem ser em livre demanda (sempre que o bebê quiser) e pelo tempo que ele quiser. O leite materno tem composição diferente em uma mesma mamada:

1ª fase – O leite é mais “aguado”, transparente e tem maior concentração de água para que possa saciar a sede do bebê.  

2ª fase – O leite começa a ter uma aparência mais esbranquiçada e há predominância de proteínas, necessárias para o desenvolvimento do organismo do bebê

3ª fase – O leite é mais “forte”, branco e há predominância de gordura, necessária para a saciedade e ganho de peso. 

Algumas pacientes deixam a maternidade orientadas a amamentar por 15 minutos em cada mama, tendo como consequência:

1-      O bebê pode não ter ganho de peso satisfatório;

2-      O bebê pode querer mamar com mais frequência – a cada 30 minutos, por exemplo;

3-      O bebê pode terminar a mamada e se mostrar saciado;

4-      O bebê faz pouco xixi;

5-      A coloração das fezes não acompanha os padrões de normalidade;

6-      Pelo aumento da demanda as mamas podem ganhar algumas lesões;

7-      Bebê parece sempre estar com fome e irritado – A pega pode não ser perfeita quando o bebê está estressado;

8-      Por não esvaziar completamente as mamas, a produção de leite pode ficar comprometida – hipogalactia;

9-      Não esgotar as mamas favorece o aparecimento de problemas como ingurgitamento e bloqueio de ductos;

10-   Outros problemas físicos e emocionais…

Neste sentido é preciso deixar o bebê sugar o tempo que ele desejar, até que se sinta saciado. Se controlarmos o tempo da mamada podemos estar impedindo o bebê de mamar a última fase, o leite posterior, aquele mais gorduroso.  As mamas ficarão flácidas, diferentes de como estavam no início da mamada.  Mesmo que o bebê tenha parado de sugar, a mãe deve oferecer a outra mama e iniciar a próxima mamada pela que ele sugou por último, para garantir que o bebê receba as três fases completas, em todas as mamadas. O relógio deve ser esquecido e a mãe deve ser concentrar na dinâmica entre ela e seu bebê… estudar as respostas de seu próprio corpo  para os estímulos da sucção.

 

Por Grasielly Mariano

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s